9 de novembro de 2014

Versos de um Crime (Kill Your Darlings)


Kill Your Darlings (Versos de Um Crime) 2014

Gênero: Drama, Biografia

Sinopse: "1944. Allen Ginsberg (Daniel Radcliffe) sai da casa dos pais rumo à universidade, precisando lidar com o sentimento de culpa por ter deixado sua mãe (Jennifer Jason Leigh). Seu sonho é tornar-se um escritor, mas logo sente-se incomodado pelo modelo "certinho" de poesia que o curso ensina. Não demora muito para que ele conheça Lucien Carr (Dane DeHaan), um jovem provocador que apresenta Allen ao mundo da contracultura. Logo nasce uma grande amizade entre os dois, que se torna algo mais quando Allen passa a sentir atração por Lucien."


"Versos de um Crime" (Kill Your Darlings) é um filme de drama biográfico que foi apresentado pela primeira vez no Festival de Sundance de Cinemade em 2013, mas só estreou no brasil em Junho de 2014. É o trabalho de estréia do diretor John Krokidas.

O longa, obviamente baseado numa história real por ser bibliográfico, conta a história de Allen Ginsberg, um garoto que deixa a casa dos pais para estudar e seguir seu sonho de ser escritor. Na faculdade, ele conhece Lucien Carr que o apresenta ao mundo de uma forma diferente da forma certinha de Allen. Logo, nasce uma grande amizade entre os dois, mas com a morte de David, a vida dos dois tende a tomar outro rumo.

Eu nunca gostei muito do Daniel Radcliffe, até porque não gosto de Harry Potter e assistir qualquer filme com ele era bem impossível, mas "Versos de um Crime" é um filme de época, tinha essa relação homossexual, poemas, musica, tudo o que um filme tem que ter para que eu goste dele. Daniel Radcliffe aparece de óculos em "Versos de um Crime" e sim, ele ainda parece o Harry Potter, um pouco mais velho, mas ainda parece, porém ele atua tão bem e faz cenas tão difíceis, que você esquece que ele foi Harry Potter nos primeiros vinte minutos de filme.


Você vê o quanto pode ser difícil ser ator e o quão bom ele pode ser quando tem que fazer cenas de sexo e, ainda mais, quando são cenas homossexuais e Daniel Radcliffe estava lá, completamente nu, numa cena muito, muito convincente, comparado à cenas de outros filmes que eu já assisti. Os beijos entre ele e Dane DeHaan parecem bem reais e apaixonados, não tem aquela aparência de "Estou fazendo porque sou pago, mas não gosto nem um pouco", parabéns para eles. Daniel Radcliffe se entregou ao personagem e às cenas e fez um lindo beijo, uma linda cena de sexo (apesar de não ser com Dane), tudo muito convincente e verdadeiro. 

Daniel Radcliffe subiu muito no meu conceito como ator e, com esse filme, consegui apagar aquela imagem odiosa que eu tinha sobre ele e seu Harry Potter sem graça.

Logo no inicio do filme, nós vemos Lucien na cadeia e Allen conversando com ele e, talvez, você ache que o filme será todo sobre uma dupla adolescente responsável por um assassinato, mas "Versos de um Crime" vai te dizer que não é nada sobre isso. Na verdade, o filme é sobre a convivência dos autores Allen Ginsberg (Daniel Radcliffe), Lucien Carr (Dane DeHaan), e Jack Kerouac (Jack Huston) que faziam parte da chamada geração "Beat", formada por mentes inquietas que desejam mudanças por meios diferentes dos convencionais e, só da metade para o final do filme, é que o assassinato passa a ser relevante na história.


Lucien é o típico personagem que você não consegue entender nunca. Às vezes, ele passava muita veracidade e coerência no que diz, mas depois parece um garoto completamente diferente. Ele não parece dizer a verdade com relação a nada, nunca. Talvez, por isso, Allen e David tenham se apaixonado tão perdidamente por ele, por seus segredos, seu jeito enigmático e perigoso.

Quando Lucien resolve ir embora e Allen tem seu coração partido, a ultima coisa que você pensa que ele pode fazer é o que ele realmente faz e você só tem vontade de ser alguém que possa dar um apoio a ele, já que você passa o filme todo torcendo para que eles se envolvam logo e quando se envolvem, tudo dá errado.


O filme é dramático, intenso, confuso, sofrível e arrebatador. Poderia, é claro, ter mais detalhes sobre o envolvimento de Allen e Lucien, do movimento "Beat", dos vícios e compulsões enfrentadas pelos personagens, mas mesmo assim "Versos de um Crime" não deixa de ser um ótimo filme. Parabéns ao John Krokidas, que apesar de não ter sido elogiado pelos críticos, me agradou muito com o filme (Talvez, eu seja uma péssima critica, quem sabe?).

Agora, estou louca atrás de "Howl and Other Poems", lançado em 1956 e conta um pouco da história de Allen e Lucien, inclusive, sua primeira edição foi dedicada a Lucien, que pediu para que a dedicatória fosse retirada nos demais exemplares.


Curiosidade: Daniel Radcliffe chegou a participar, em 2008, dos testes para o filme e conseguiu o papel de Alle, mas, devido às filmagens de Harry Potter, Daniel acabou não entrando nas filmagens iniciais, que chegaram a ser feitas com Chris Evans, Jesse Eisenberg, e Ben Whishaw. Porém, o financiamento foi cortado na época e o filme cancelado, mas quando John resolveu voltar às filmagens, convidou Daniel que prontamente aceitou o papel de Allen Ginsberg.





Comente com: ou

0 comentários:

Postar um comentário

 
© LuMartinho | 2015 | Todos os Direitos Reservados | Criado por: Luciana Martinho | Tecnologia Blogger. imagem-logo