15 de outubro de 2015

Primeiro e Único - Emily Giffin





Sinopse: Shea tem 33 anos e passou toda a sua vida em uma cidadezinha universitária que vive em função do futebol americano. Criada junto com sua melhor amigas, Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal. Acabou cursando a universidade, onde conseguiu um emprego no departamento atlético e passa todos os dias junto do treinador e já está no mesmo cargo há mais de dez anos.
Quando finalmente abre mão da segurança e decide trilhar um caminho desconhecido, Shea descobre novas verdades sobre pessoas e fatos e essa situação a obriga a confrontar seus desejos mais profundos, seus medos e segredos.
A aclamada autora de Questões do Coração e Presentes da Vida criou uma história extraordinária sobre amor e lealdade e sobre uma heroína não convencional que luta para conciliá-los.


Shea é uma mulher de 33 anos fanática por futebol e com poucas ambições na vida. Criada junto com sua melhor amiga Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal, uma cidadezinha que vive em função do futebol americano. Acabou cursando a universidade por lá e conseguiu um emprego no departamento atlético e já está no mesmo cargo há dez anos. encorajada pelo treinador Carr, Shea finalmente abre mão de zua zona de conforto e decide trilhar um novo caminho, descobrindo novas verdades sobre a vida, pessoas e fatos.

Esse é o primeiro livro que leio de Emily e ela conseguiu me conquistar mesmo com tanto futebol envolvido e eu odeio futebol, não importa qual o estilo. Quero dar outras chances para a autora, ler outras histórias e aproveitar a escrita agradável e envolvente de Emily.



Com uma escrita leve, simples e de fácil entendimento, Emily Giffin, nos transporta para o mundo do Futebol Americano. Às vezes, não achava tão ruim assim as conversas sobre futebol, mas em alguns momentos, Shea parecia não saber falar de outra coisa. Mesmo que sua vida sempre tenha sido o futebol, acho que ela poderia não se repetir tanto. Em suas conversas com o treinador Carr, eu desejava que ela falasse mais claramente com ele, falasse sobre outras coisas, mas era quase sempre futebol e eu ficava pensando que nada iria acontecer se os dois continuassem daquele jeito.

Eu não sei se esperava mais desse livro, achei que seria um pouco mais carregado de drama do que de romance. Vi tantas resenhas negativas, que achava que o livro seria entediante e massivo, mas encontrei uma escrita gostosa e simples, abordando diversos temas de uma forma muito gostosa de ler, independente do futebol americano. Além do final, que me agradou mais do que eu esperava.
“Mas não deixe se enganar. As melhores coisas da vida parecem simples. Mas só parecem.”
Com uma trama leve, envolvente e cheio de romance misturado, nem sempre em boas doses, com futebol, Primeiro e Único é uma leitura agradabilíssima para o final de semana.



*Livro cedido em parceria com a Editora




Comente com: ou

0 comentários:

Postar um comentário

 
© LuMartinho | 2015 | Todos os Direitos Reservados | Criado por: Luciana Martinho | Tecnologia Blogger. imagem-logo